Entenda as principais causas e como evitar o envelhecimento precoce

Entenda as principais causas e como evitar o envelhecimento precoce

Com o passar dos anos, a pele humana passa por um processo de envelhecimento natural. Mas alguns fatores podem causar a aceleração desse processo, resultando no envelhecimento precoce.

A maioria das pessoas não sabe por que ele acontece nem como impedir que ele ocorra. Por isso, para ajudar você a entender melhor, vamos abordar a seguir o que é o envelhecimento precoce, quais são as suas principais causas e, ainda, daremos algumas dicas valiosas para evitá-lo.

O que é o envelhecimento precoce?

O envelhecimento precoce é o aumento da oxidação das células, que degrada o colágeno presente na pele e resulta em desidratação, aparecimento de rugas, manchas e flacidez.

Os maiores responsáveis pelo envelhecimento celular no nosso corpo são os radicais livres. Essas substâncias são produzidas pelo organismo como resultado do excesso de oxigênio e são importantes para o seu funcionamento. Mas, quando a produção da substância ocorre em excesso, ela se torna tóxica e acelera o envelhecimento da pele.

Antioxidantes como a vitamina C combatem os radicais livres, minimizando os sinais dessa oxidação.

A perda do ácido hialurônico tem relação com esse processo?

O ácido hialurônico é uma substância produzida naturalmente pelo nosso corpo. Essa molécula tem o poder de reter a água ao seu redor, conferindo hidratação, elasticidade e viço à pele. Entretanto, a partir dos 25 anos, a produção dele começa a diminuir, provocando o envelhecimento.

A reposição dessa substância pode ser feita com procedimentos de preenchimento ou produtos de uso tópico, que auxiliam na retenção da água, melhorando a hidratação e o aspecto da pele. Uma excelente dica é utilizar um primer hidratante com ácido hialurônico, que é ideal para todos os tipos de pele, prevenindo a amenizando as linhas de expressão, hidrata na medida perfeita e, ainda, prepara a pele para deixar a maquiagem com um acabamento impecável.

Quais fatores aceleram o envelhecimento da pele?

Além da degradação natural das células que ocorre com a idade, alguns fatores e hábitos podem acelerar os sinais do envelhecimento. A seguir, descubra quais são os principais.

Estresse

O estresse é uma condição muito presente no dia a dia da sociedade. É conhecido como o “mal do século XXI” e é uma das principais causas do envelhecimento precoce. Isso ocorre porque, durante um momento de ansiedade ou estresse, o organismo aumenta a produção de hormônios, adrenalina, insulina e cortisol, que, quando em excesso, prejudicam o aspecto da pele.

Má alimentação

O consumo excessivo de alimentos gordurosos e pobres em nutrientes, além de prejudicar o organismo como um todo, acelera o envelhecimento precoce.

Uma dieta rica em legumes, verduras e frutas auxilia no combate ao desgaste da pele. A proteína encontrada nas carnes magras também ajuda na renovação do colágeno e na produção celular. É importante saber que, além de ter uma dieta saudável, é essencial ingerir bastante água ao longo do dia.

Falta de exercícios físicos

Praticar exercícios físicos regularmente traz muitos benefícios para o organismo. Eles ajudam a prevenir a obesidade, melhoram a circulação sanguínea, aumentam a capacidade respiratória e deixam a pele mais saudável e jovem, pois evitam a flacidez.

Tabaco

O tabagismo é um dos hábitos que mais contribuem para o aumento da produção de radicais livres, já que o cigarro é um grande vilão quando falamos em envelhecimento precoce. Fumantes apresentam rugas e linhas de expressão, em média, 15 anos mais cedo do que não fumantes.

Além disso, a cada tragada, a concentração de oxigênio no sangue diminuiu, deixando a pele opaca. Fumar também causa a liberação excessiva de radicais livres e acelera a perda de colágeno, uma proteína fundamental para a estrutura, elasticidade e firmeza da pele.

Excesso de álcool

O consumo de álcool em excesso deposita toxinas nas camadas da pele, interferindo na cor e na textura do tecido, além de provocar olheiras e bolsas abaixo dos olhos. Além disso, para que o organismo consiga metabolizar uma molécula de álcool, ele precisa lançar mão de nove moléculas de água.

Então, quando não há água suficiente no corpo, o organismo passa a retirá-la da pele, tornando-a desidratada, opaca e sem viço.

Exposição excessiva ao sol

Mais de 50% dos casos de envelhecimento precoce ocorrem por exposição excessiva ao sol sem proteção. A radiação ultravioleta provoca a oxidação do tecido e destrói as fibras de colágeno, resultando em uma transformação de textura, elasticidade e cor.

Luz azul

A iluminação emitida por lâmpadas e telas (computador, televisão, tablets e, até mesmo, celular) agrava o problema do melasma, que são manchas escurecidas na pele. Além disso, ela é uma das grandes responsáveis pelo envelhecimento precoce da pele, pois aumenta a produção de radicais livres.

Poucas horas de sono

Durante o sono, as suas células realizam processos de renovação celular, produção e liberação de hormônios e enzimas. Entre os hormônios liberados durante a noite, está o GH (hormônio do crescimento), que é conhecido pelo seu poder antienvelhecimento.

Além disso, o sono é essencial para a produção de hormônios como a melatonina, que tem efeitos calmantes e deixa o rosto com aquela aparência descansada.

Por isso, é importante ter uma boa noite de sono, de, pelo menos, 8 horas por dia, para manter o seu organismo regulado e minimizar os sinais da idade.

Quais são os sintomas na pele?

Você certamente já se deparou com uma pessoa que aparenta ter muito mais idade do que realmente tem. Sabe por que isso ocorre? Porque o envelhecimento precoce tem resultados visíveis na pele. Entre eles, estão:

  • falta de firmeza e elasticidade;
  • rugas;
  • linhas de expressão;
  • sulcos;
  • opacidade;
  • textura irregular;
  • manchas.

Como evitar o envelhecimento precoce?

Apesar de o envelhecimento celular ser um processo natural do corpo, alguns cuidados evitam que ele aconteça antes da hora. Listamos a seguir algumas dicas para que você mantenha a sua pele bonita por mais tempo. Acompanhe e anote!

Mantenha a pele sempre limpa

Uma boa rotina de cuidados mantém a sua pele jovem por mais tempo, por isso, é fundamental manter a pele sempre limpa. Utilize produtos específicos para a limpeza facial, como loções, tônicos e sabonetes. Um produto que não pode faltar na sua rotina de limpeza da pele é água micelar, que limpa profundamente e de forma gentil, hidrata e mantém a derme bem nutrida.

Esses produtos retiram os resíduos de maquiagem e poluição que se acumulam na pele ao longo do dia. Portanto, nada de dormir sem antes fazer uma higienização completa da pele.

Esfolie a pele na frequência adequada

A esfoliação frequente elimina as células mortas, deixando o rosto com um aspecto mais jovem e iluminado. A frequência adequada depende do tipo de pele.

No caso das mais secas, o ideal é fazer esse procedimento uma vez na semana ou a cada 15 dias. Enquanto para as oleosas, a recomendação é esfoliar até 2 vezes na semana, dependendo da produção de sebo.

Já as normais ou mistas, podem receber um bom esfoliante uma vez na semana. Uma dica importante: na hora da esfoliação, faça movimentos leves e circulares. Desse modo, você facilita a remoção das células mortas e ajuda na produção de colágeno.

Utilize filtro solar diariamente

Utilize um protetor solar todos os dias para manter a pele mais saudável. Além de evitar o envelhecimento precoce, a sua cútis fica protegida do risco de câncer de pele. Escolha um produto compatível com o seu tipo de pele e opte por filtros com proteção UVA e UVB.

Remova a maquiagem completamente antes de dormir

Dormir com maquiagem prejudica muito a sua pele. Isso acontece porque utilizar maquiagem no rosto por longos períodos resulta em poros abertos, que deixam a pele áspera e sem brilho. Então, lave bem o rosto, use um demaquilante ou água micelar, que consegue remover até as impurezas mais profundas.

Tenha hábitos saudáveis

Uma boa alimentação, o consumo de água e a prática de exercícios físicos fazem o seu organismo funcionar corretamente e auxiliam na prevenção do envelhecimento precoce. 

Além disso, lembre que o seu corpo precisa de descanso e relaxamento. Por isso, durma, pelo menos, 8 horas por dia e evite situações de estresse.

Utilize adesivos antissinais

Os adesivos antissinais são produzidos com silicone grau médico e auxiliam no tratamento de rugas e sinais de idade. São produtos dermatologicamente testados, hipoalergênicos e com teste de eficácia aprovado pela Anvisa.

Eles suavizam marcas de expressão, ajudam a evitar rugas e hidratam a pele. Os seus resultados são visíveis logo no primeiro uso.

Use produtos com ácido hialurônico

O primer com ácido hialurônico hidrata, trata e prepara a pele para receber o protetor solar e a maquiagem. O seu uso frequente combate a perda de hidratação e os sinais do envelhecimento precoce.

Alimente-se corretamente

Como já mencionamos, uma dieta equilibrada não só mantém a saúde do corpo, mas também melhora a aparência da pele. Então, é preciso ter atenção à sua alimentação. O açúcar é um grande responsável pelo envelhecimento precoce, pois se liga às fibras de colágeno e elastina, endurecendo-as.

Desse modo, além de reduzir o consumo de açúcar e evitar as refeições industrializadas, invista em alimentos ricos em antioxidantes, como:

  • açafrão;
  • aveia;
  • azeite de oliva;
  • frutas cítricas;
  • frutas vermelhas, como morango e uva;
  • mamão;
  • peixes (salmão, atum, sardinha e arenque);
  • linhaça;
  • nozes;
  • batata-doce;
  • tomate;
  • brócolis;
  • feijão-vermelho.

Utilize apenas produtos adequados para o seu tipo de pele

Há vários tipos de pele, cada um com as suas particularidades e necessidades específicas. Por isso, é extremamente importante identificar o seu tipo de pele e utilizar apenas os produtos adequados. Afinal, eles contêm exatamente o que a sua pele necessita para ficar saudável. Então, sempre leia os rótulos com atenção.

Priorize o seu sono

Lembra que comentamos sobre a importância de uma boa noite de sono para manter a sua pele sempre bonita? Pensando nisso, estabeleça uma rotina para dormir em horários fixos e siga-a à risca.

Aliás, seguir um ritual para dormir também ajuda você a manter outros hábitos, como o de fazer o seu skincare completo antes de ir para a cama.

Busque tratamentos estéticos

Se o uso de produtos e a adoção de medidas para evitar o envelhecimento precoce não estão tendo resultados, você pode buscar tratamentos estéticos. Procure um dermatologista e um esteticista de confiança e descubra qual tratamento é mais indicado para você.

Os mais conhecidos são:

  • carboxiterapia;
  • preenchimento facial;
  • laser CO2 fracionado;
  • peeling;
  • tratamento à base de ácidos;
  • botox.

No entanto, vale lembrar que esses procedimentos são mais invasivos. Desse modo, a melhor escolha é sempre optar por tratamentos alternativos, como o uso de produtos específicos para combater o envelhecimento precoce.

Como mostramos, evitar o envelhecimento precoce não é uma tarefa impossível. Você precisa ter em mente as principais causas e fatores que aceleram o processo — como a exposição ao sol, o estresse e a má alimentação — e evitar esses hábitos prejudiciais. Levando uma vida mais saudável e mantendo uma rotina de cuidados diários, é possível minimizar os efeitos da idade e ter uma pele mais jovem e bonita.

Este post foi útil para você? Quer cuidar bem da sua pele para mantê-la sempre bonita e com aparência saudável? Então, visite o nosso site e conheça os produtos da Supérbia!

Quer ficar por dentro de todas as novidades do mundo da beleza?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Quer ficar por dentro de todas as novidades do mundo da beleza?

Se inscreva aqui!X