Descubra os 5 benefícios do pilates para sua saúde!

4 minutos para ler

Os benefícios do pilates são vários, por isso ele se popularizou tanto no Brasil em meados de 1900. A prática consiste em exercícios individuais e muito precisos, com a capacidade de trabalhar o condicionamento físico e a consciência corporal. Além disso, por ser uma atividade de baixo impacto, muitos médicos recomendam o pilates como uma terapia.

A principal diferença dessa atividade é a possibilidade de trabalhar o corpo de modo global sem limites quanto à idade da pessoa, podendo ser feita por crianças, gestantes e idosos, por exemplo.

Além disso, os exercícios são feitos de acordo com o que o “corpo pede”, pois o instrutor precisa analisar as características de cada indivíduo para melhorar o alinhamento corporal de cada um.

Veja neste artigo os cinco principais benefícios do pilates e os motivos de ele ser recomendado para pessoas de todas as idades.

Qual é a recomendação para essa prática?

O pilates pode ser facilmente inserido na rotina das pessoas, sejam elas sedentárias ou praticantes de outra modalidade esportiva. Ao combinar essa prática com corrida, natação ou, até mesmo, musculação, os resultados são ainda melhores. Contudo, essas outras opções de atividades podem ser limitadas ou contraindicadas para alguns.

Nesse sentido, o pilates aceita praticantes de várias faixas etárias e oferece muitas vantagens, pois é essencial para o desenvolvimento do corpo, a coordenação motora, a reabilitação física, a prevenção de doenças etc.

Além disso, os exercícios ajudam a melhorar a memória e a controlar o estresse, sendo uma prática benéfica não só para a saúde física, mas também para a saúde mental.

Quais são os benefícios do pilates?

O pilates trabalha com princípios, sendo eles a concentração, o controle, a centralização, a respiração e a fluidez. Durante os exercícios estáticos, são estimulados o fortalecimento muscular e a flexibilidade. Por isso, essa prática proporciona os benefícios a seguir.

1. Alivia a tensão muscular

Geralmente, os exercícios são feitos em uma sala tranquila com músicas calmas. Inclusive, os movimentos são concentrados, exigindo a precisão e a consciência da respiração. Esse conjunto de fatores ajuda no alívio da tensão e combate ao estresse.

2. Melhora a flexibilidade

Essa prática engloba os alongamentos e ajuda na flexibilidade dos músculos e articulações. Em pouco tempo, é possível ver a mudança ao realizar atividades básicas do dia a dia, como vestir calças ou amarrar tênis.

3. Aumenta o tônus muscular

Embora não seja comprovado que o pilates promove o emagrecimento, no sentido de reduzir medidas, ele ajuda na tonificação do corpo e no ganho de massa magra.

Ele exige muita força e contração muscular, por isso, as fibras se rompem e se reconstroem proporcionando esses benefícios. Ou seja, o pilates também requer bastante energia do corpo.

4. Ajuda a focar a respiração

Diante dos compromissos da rotina, é comum as pessoas respirarem de forma errada sem perceberem. Isso aumenta o cansaço, gera dores no corpo e causa falta de ar. O pilates faz uma reeducação respiratória, que é um dos seus princípios, melhorando a qualidade de vida do praticante.

5. Melhora a postura

Os exercícios também focam o centro do corpo, como o abdome. Inclusive, eles respeitam as curvas naturais da estrutura humana e, atrelados ao fortalecimento e à consciência, fazem com que a postura se mantenha ereta. Consequentemente, previnem e combatem as dores nas costas.

Apesar de essa atividade física ter várias modalidades que usam alguns instrumentos e aparelhos, também é possível praticá-la em casa sem perder os benefícios do pilates. Basta reservar um espaço e agendar com um profissional para fazer o acompanhamento a distância pela internet. Assim, ele pode orientar os movimentos usando apenas o próprio corpo.

Se você gostou de saber mais sobre o pilates, aproveite para compartilhar este artigo nas redes sociais para que seus amigos também descubram os benefícios dessa atividade!

Posts relacionados

Deixe um comentário